Portugal soma e segue no Mundial de Surf Júnior, nos Açores

Autor: Miguel Marote Henriques    Data: 19-09-2016
Publicado em: Açores, Desporto, Eventos, Notícias

visla1Ao terceiro dia do VISSLA ISA World Junior Surfing Championship, uma das competições anuais mais importantes do surf júnior, a decorrer na Praia do Monte Verde, nos Açores, os 12 atletas da seleção nacional continuam em prova.

As nuvens chegaram com o nascer do dia nos Açores, mas nem São Pedro desmoralizou a jovem equipa das quinas. Em prova, hoje, estiveram João Moreira, Mafalda Lopes, Gonçalo Magalhães, João Vidal, Inês Bispo, Mariana Garcia, Francisca Veselko e Jácome Correia que voltaram a provar que Portugal é decididamente uma potência no surf.

Hoje foi um dia muito positivo com 100% de aproveitamento, onde todos os nossos atletas estiveram num plano de surf muito elevado – David Raimundo, responsável técnico da seleção nacional

No masculino, o primeiro atleta a competir com a bandeira de Portugal ao peito foi João Moreira, na categoria sub18, que, com manobras fortes e um surf agressivo, dominou o seu heat alcançando o primeiro lugar e assegurando a sua posição na ronda 2. Na outra ponta da praia, no segundo pódio do torneio, Gonçalo Magalhães e João Vidal seguraram bem os resultados obtidos e ambos garantiram a passagem para a segunda ronda. O surfista local, Jácome Correia, na primeira fase de repescagens, acabou por mostrar a confiança de surfar em casa e realizou ondas altas de 5 e 5,83 pontos, estando agora apenas a um heat de voltar ao quadro principal.

Depois de terem protagonizado momentos marcantes durante a manhã do dia de ontem, também as raparigas disputaram o mar hoje. Mafalda Lopes, sub16, foi a primeira atleta da seleção nacional a garantir espaço na terceira ronda de campeonato. Já Francisca Veselko, à semelhança de Jácome Correia, agarrou a oportunidade da segunda vida das repescagens e, com uma primeira onde de 7 pontos, manteve a liderança do seu heat. Inês Bispo, embora com condições menos favoráveis pois, no decorrer do dia, a chuva sobrepôs-se ao sol e começava a observar-se uma clara corrente no mar que impossibilitava as atletas de facilmente remarem em direção às melhores ondas, seguiu em frente no quadro principal. Na categoria sub18, Mariana Garcia não desiludiu e manteve a performance a que já nos habituou, exibindo um bom e eficaz surf. A atleta foi a primeira classificada da sua prova.

O VISSLA ISA World Junior Surfing Championship prossegue amanhã com uma previsão de empenho e motivação para a seleção júnior de surf. As provas iniciarão às 8h00 da manhã, horário local, 09h00 da manhã em Lisboa e poderão ser visualizadas através do site oficial da competição www.isaworlds.pt.

Fonte: FPS
Foto: DR